Minha foto
Araraquara, São Paulo, Brazil
Graduado em Fisioterapia pela Universidade Paulista. Especialização em Quiropraxia pela ANAFIQ- Associação Nacional de Fisioterapia em Quiropraxia. Pós Graduação em Fisioterapia Ortopédica e Desportiva pela Universidade Cidade de São Paulo- UNICID Coordenador do Grupo de Estudos em Postura de Araraquara. –GEP Membro da Associação Nacional de Fisioterapia em Quiropraxia- ANAFIQ/ Membro da Associação Brasileira de Fisioterapia Manipulativa- ABRAFIM/ Membro da Associação Brasileira de Pesquisa em Podoposturologia –ABPQ PODO/ Formação em RPG, SGA, Estabilização Segmentar Lombar e Cervical, Pilates, Podoposturologia, Quiropraxia,Reabilitação Funcional, Kinesyo Tape ,Dry Needling,Mobilização Neurodinâmica, Técnica de Flexão-Distração para Hérnias Lombares e Cervicais. Formação no Método Glide de Terapia Manual. Atualização nas Disfunções de Ombro, Quadril , Joelho e Coluna ( HÉRNIAS DISCAIS LOMBARES E CERVICAIS). ÁREA DE ATUAÇÃO: Diagnóstico cinético-funcional e reabilitação das disfunções musculoesqueléticas decorrentes das desordens da coluna vertebral. AGENDAMENTO DE CONSULTAS PELO TELEFONE 16 3472-2592

REGRAS DO SITE

OS ARTIGOS CONTIDOS NESTE SITE TEM APENAS O INTUITO DE INFORMAR , POR ISSO NÃO FAZEMOS DIAGNÓSTICOS OU TRATAMENTO PELO SITE E EM HIPOTESE ALGUMA QUEREMOS SUBSTITUIR UMA CONSULTA PARA MAIS DETALHES ENTRE EM CONTATO E MARQUE UMA CONSULTA COMIGO (FISIOTERAPEUTA)OU COM SEU MÉDICO DE CONFIANÇA.

ME RESERVO O DIREITO DE RESPONDER APENAS COMENTÁRIOS COM IDENTIFICAÇÃO E E-MAIL E QUE SEJA PERTINENTE AO CONTEUDO DO SITE( NÃO FAÇO DIAGNÓSTICO OU TRATAMENTO PELA INTERNET).

AS PERGUNTAS SEM E-MAIL EM ANEXO NÃO SERÃO RESPONDIDAS.

AS RESPOSTAS NORMALMENTE NÃO SÃO PUBLICADAS POIS RESPEITAMOS A INDIVIDUALIADE DOS PACIENTES ,CADA CASO É ÚNICO.

Translate

Visualizações

Pesquisar este blog

domingo, 26 de setembro de 2021

O parecer do Conselho Regional de Medicina da Bahia - CREMEB nº 11/21, considerou que “o médico é o único responsável pela indicação do tratamento fisioterápico para o seu paciente cabendo ao fisioterapeuta executar métodos e técnicas fisioterápicas com a finalidade de restaurar, desenvolver e conservar a capacidade física do paciente”

O documento desconsidera e desrespeita o Decreto-Lei nº 938, de 13 de outubro de 1969, que regulamenta o exercício da Fisioterapia e da Terapia Ocupacional, e também ignora a Lei nº 6.316/1975, que criou o Conselho Federal e os Conselhos Regionais de Fisioterapia e Terapia Ocupacional - únicos órgãos com poder de regulamentar as práticas dessas categorias profissionais.
Aos nossos jurisdicionados temos os seguintes pontos a destacar:

A área de atuação do CREMEB refere-se apenas ao estado da Bahia;

O documento trata-se de um parecer jurídico. tratando-se de um documento orientador ou balizador para uma decisão futura, e não possui qualquer valor jurídico ou legal;

O Crefito-7 (Bahia) se manifestou sobre o assunto emitindo um parecer reforçando as prerrogativas profissionais de fisioterapeutas e terapeutas ocupacionais, e promete tomar as medidas judiciais cabíveis contra o CREMEB.

Não cabe, e jamais caberá, a tutela da Fisioterapia pela Medicina.

O Crefito-3 seguirá sempre atento às ameaças ao exercício legal da Fisioterapia e da Terapia Ocupacional. 

Confira na íntegra o parecer no site do Crefito-7.

#Crefito3

sexta-feira, 24 de setembro de 2021

curso de quiropraxia Clínica e Esportiva em João Pessoa

Curso de quiropraxia Clínica esportiva em João Pessoa em 2022 inscrições abertas o curso é destinado a fisioterapeutas e estudantes de fisioterapia a partir do sexto semestre neste curso o aluno irá aprender as principais técnicas de Quiropraxia baseada em evidências científicas e efetividade de tratamento irá adquirir o raciocínio Clínico para o tratamento das principais patologias neuromusculoesqueléticas
Neste curso o aluno terá a possibilidade de retorno imediato dos investimentos pois poderá estar atendendo logo após o término do primeiro módulo já com técnicas de fisioterapia manipulativa Ortopédica ou ênfase em Quiropraxia

curso de quiropraxia clínica em Macapá no estado do Amapá

Curso de quiropraxia esportiva e quiropraxia clínica Pela primeira vez em Macapá no Amapá em 2022 inscrições abertas venha fazer parte desse seleto grupo de fisioterapeutas quiropraxistas

curso de Thompson terminal Point e quiropraxia desportiva em Macapá


Curso de Thompson terminal Point e quiropraxia desportiva pela primeira vez na cidade de Macapá no Amapá realizado em fevereiro de 2022 nos dias 25 e 26 e 27 maiores informações e contatos através do telefone 96 92000-8996

sábado, 4 de setembro de 2021

Curso de THOMPSON TERMINAL Point em Araraquara

Quiropraxia Avançada 

Curso baseado nas as principais técnicas de Quiropraxia criadas por J.Thompson DC utilizando a primeira lei de Newton .
Onde o aluno irá aprender o raciocínio clínico da TÉCNICA DE THOMPSON TERMINAL POINT para identificar e tratar disfunções utilizando as técnicas ajustivas manuais ,com uso dedas macas especiais de Drop .
Curso com empregabilidade imediata das técnicas na pratica clínica do Fisioterapeuta.
PUBLICO ALVO FISIOTERAPEUTAS
CONTEÚDO PROGRAMÁTICO:

Histórico, princípios e definição

Complexo de Subluxação Vertebral

Avaliação de acordo com Derifield Thompson Leg Check

Derefield positivo, negativo e cruzado

Síndrome cervical unilateral a direita e a esquerda

Síndrome cervical bilateral

Sindrome cervical super compensada de acordo com Thompson

Aspectos mecânicos e estruturais dos modelos de drops

Posicionamento e uso do drops no ajustamento da coluna vertebral e extremidades

Ajustamento para Síndrome Facetária e para Espondilolistese

Diagnóstico e Correção do Derifield Negativo

Diagnóstico e Correção do Derifield Positivo, Verdadeiro e Falso

Derifield X e excessões no protocolo de Thompson

Sacral Check: avaliação do posicionamento do ápice sacral

Técnicas de ajustamento do ilíaco, sacro e cervical segundo Thompson

Técnicas de ajustamento segmentar da coluna vertebral

Contraindicações e conceito de vértebra não manipulável

quinta-feira, 2 de setembro de 2021

LESÕES EM MOTOCICLISTAS

O motociclismo é um estilo de vida, porém tem de ser pensado tanto na segurança da pilotagem, quanto da nossa própria postura e condição física para termos o prazer das duas rodas sem dores pela vida toda. 

Quando pilotamos com posturas erradas podemos tirar algumas articulações da posição correta, piorar lesões antigas que desconhecíamos e até conseguir algumas novas. 

Lembrem-se sempre que uma postura correta ao pilotar e consultas preventivas ao Quiropraxista podem evitar vários problemas e lesões futuras.

Agende já sua consulta.
Acesse o link da bio ou clique no link abaixo:
wa.me/5516981214680

#quiro #quiropraxia #quiropraxiapreventiva #enxaqueca #tratamentoquiropratico #araraquaraquiropraxia

domingo, 29 de agosto de 2021

Pós graduação em quiropraxia na cidade de Araraquara

*CONTEÚDO PROGRAMÁTICO*    

1. Anatomia palpatória
2. Biomecânica e cinesiologia
3. Sistema nervoso
4. Quiropraxia Clínica I
• Introdução a Quiropraxia
• Histórico, princípios básicos e fundamentos científicos
• Manipulação da coluna vertebral e quadril 
5. Quiropraxia Desportiva e Extremidades
6. Imaginologia
7. Quiropraxia instrumental
8. Técnicas especiais e complementares em quiropraxia
• Liberação Miofascial Manual
• Liberação Miofascial com ventosas
• Liberação Miofascial Instrumental
• Bandagens
9. Terapia Craniosacral  
10. Espinografia
11. Quiropraxia Pediátrica e Gestantes
12. Técnica Avançada: Thompson e Toggle Recoil
13. Técnica Avançada: Gonstead 
14. Técnica Avançada: SOT
15. Técnica Avançada: Logan 
16. Metodologia Científica (on-line)
17. Estágio supervisionado I 
18. Estágio supervisionado II 
19. Estágio supervisionado III

Duração: 640hs.

Público alvo: Fisioterapeutas

quinta-feira, 12 de agosto de 2021

mandíbula Rangendo

A quiropraxia é uma técnica que oferece diversos benefícios para o paciente a longo prazo, principalmente no tratamento de doenças crônicas, como o bruxismo e a DTM.

Pode até não existir uma causa específica para essa complicação, mas há diversos fatores capazes de desencadear uma DTM. Se você vem sentindo dores na face, nos músculos da região, na cabeça e no ouvido, pode ser que você esteja com DTM.

Os sinais da disfunção na ATM podem começar com sensibilidade muscular, dificuldade ou impossibilidade de abrir a boca e ruídos articulares - os famosos estalos. 

O conselho indicado é sempre procurar atendimento especializado para identificar e diagnósticar a disfunção. A Quiropraxia é uma ferramenta valiosa no tratamento, que inclui ajustes importantes para o alívio da dor.

Agende já sua consulta 😁

Acesse o link da bio ou clique no link abaixo:
wa.me/5516981214680

#quiropraxia #quiro #qualidadevida #ajuste #quiropraxiaparaatletlas #quiropraxiaesportiva #dtm  #quiropraxiararaquara

quarta-feira, 28 de julho de 2021

Você já deve ter ouvido a frase: o futebol é um esporte de contato físico, certo? 
Deve-se estar atento as contusões e luxações provocadas pela prática.

As principais lesões estão localizadas nos membros inferiores e podem ser ocasionadas por contato direto com ou sem contato com o adversário.

As lesões musculares são extremamente comuns, representam quase 30% de todas as lesões, já as entorses, principalmente do tornozelo e joelho, levam principalmente às lesões ligamentares, determinadas pela articulação envolvida e, principalmente, a energia e a forma como este tipo de entorse ocorreu. 

O conselho é sempre procurar atendimento especializado para identificar a gravidade da lesão. A Quiropraxia é uma ferramenta valiosa na identificação de lesões e o tratamento inclui ajustes importantes para o alívio da dor e a reabilitação do membro.

Agende já sua consulta e conheça os tratamentos que a Quiroprática pode te oferecer 😄

Acesse o link da bio ou clique no link abaixo:
wa.me/5516981214680

#quiropraxia #quiro #qualidadevida #ajuste #quiropraxiaparaatletlas #quiropraxiaesportiva #quiropraxiaparaciclistas #ciclismo #bike #ciclismoarararquara #quiropraxiararaquara

sábado, 24 de julho de 2021

Quiropraxia em Palmas

Curso de Quiropraxia Clínica em Palmas /2021

Público alvo Fisioterapeutas e graduandos a partir do 3°Ano em Fisioterapia. 
Total :100hs (70hs presenciais +30 hs trabalho complementar)

Curso completo com as  técnicas da Quiropraxia Diversificada criada por DD PALMER E BJ PALMER
,com o objetivo de apresentar todas as técnicas estruturais da Quiropraxia Americana (Palmer School - Diversified) no tratamento das patologias agudas e crônicas da coluna vertebral, sendo por isso extremamente prático e didático e tendo como base o diagnostico palpatório dinâmico, testes específicos, ortopédicos e as técnicas ajustivas de alta velocidade.

Metodologia
Conteúdo do curso é totalmente prático e visa à aquisição e domínio das técnicas de manipulação da coluna vertebral, pelve e extremidades, para a sua aplicação clínica imediata, como pré-requisito os participantes têm que ser fisioterapeutas com conhecimentos da anatomia palpatória e fisiologia músculo esquelética.

Objetivos
Oferecer aos alunos uma ferramenta prática e efetiva para uma correta avaliação e consequente tratamento das disfunções da coluna vertebral e extremidades na perspectiva da Quiropraxia Americana. Uma adequada compreensão da biomecânica e fisiopatologia, o aluno será capaz de identificar a disfunção do paciente e saber como desenvolver um plano de tratamento com técnicas efetivas para cada caso clínico

Durante o curso o aluno irá aprender a utilizar além das técnicas manuais  ,  o uso de Drop ,macas específicas da quiropraxia (THOMPSON  DROP TABLE) e o Activador aparelho utilizado na Quiropraxia Instrumental. 

Módulo I : História ,filosofia e Arte Quiropraxica da coluna cervical, Torácica,  lombar e Sacro Ilíaca.

Módulo II: Extremidades,Toggle Recoil, Clinica em Quiropraxia,Quiropraxia esportiva
Atm, quiropraxia Instrumental (Activator)

Dr.Lucas Nogueira Mendes

●Coordenador das pós Graduações  em Quiropraxia Clínica e Esportiva –IEES Goiânia
●Bacharel em Fisioterapia
●Bacharel em  Educação Física
●Especialista em Fisioterapia Quiropraxia pelo COFFITO
●Especialização Internacional em Quiropraxia pela European Internacional Chiropractic School
●Pós graduação em Quiropraxia
●Pós graduação  em Fisioterapia Manipulativa com ênfase em  ORTOPEDIA  e Esportiva.
●Pós Graduação em Fisioterapia Ortopédica 
●Pós Graduação  em Fisioterapia Desportiva
●Pós Graduação  em Fisioterapia Dermato Funcional.
●Professor de Pós Graduação em Quiropraxia em várias Instituições de Ensino do Brasil.
● Presidente da SOBRAFIQ-Sociedade Brasileira de Fisioterapia Quiropraxica
●Ex-Membro da Associação Nacional de Fisioterapia Quiropraxica e Manipulativa
●Membro Associação Latino Americana de Fisioterapia ou Kinesiologia Quiropraxica.- ALAFIKQ.
●Membro da Associação Brasileira de Fisioterapia Manipulativa- ABRAFIM
●Membro da Associação Brasileira de Pesquisa em Podoposturologia
◇Formação em:
● RPG,
●SGA ,
●Pilates,
●Podoposturologia ,
●Treinamento e Reabilitação Funcional,
 ●Kinesyo e Dinamic Tape ,
●Gameterapia;
●Dry Needling tradicional e neuropatico 
●Mobilização Neurodinâmica, ●Estabilização Segmentar,
●Tração Miofascial 
 ●Ozonioterapia,
 ●Terapia Neural,
● Botox terapêutico 
●Ultrassonografia Cinesiologica
●Consultor de desenvolvimento em Tração Miofascial Percussiva e Instrumental da Reabilitech
●Quiropraxista Desportivo de atletas e  equipes de MMA, Fisiculturismo, CrossFit, Ciclismo, etc....
●Experiência Clínica em Quiropraxia desde 2003 com mais de 70mil atendimentos registrados
●Centenas de alunos de Fisioterapia formados em técnicas de Quiropraxia em todo  Brasil.

sexta-feira, 23 de julho de 2021

Leg Check

O Leg Check é um teste muito comum  dentro das várias técnicas na Quiropraxia

Sublaxões e disfunções motoras causam reflexos anormais no corpo, que se manifestam pelo desequilíbrio da distribuição de carga bilateral, em outras palavras, uma perna fica mais curta que a outra.
O teste pode ser usado como referência para praticamente qualquer disfunção neuro-musculo-esquelética e, é uma importante referência na abordagem clínica de Quiropraxistas no mundo todo.

Recupere a qualidade de vida com a Quiropraxia. Agende a sua consulta:
Acesse wa.me/5516981214680

#quiro #quiropraxia #quiropraxiapreventiva #enxaqueca #tratamentoquiropratico #araraquaraquiropraxia
#quiro #quiropraxia #quiropraxiapreventiva #enxaqueca #tratamentoquiropratico #araraquaraquiropraxia

sexta-feira, 16 de julho de 2021

Ozônioterapia em Araraquara

Quem não deseja mais qualidade de vida? 💙

Apesar do desejo, muitas pessoas ainda têm medo de buscar soluções por não querer recorrer a procedimentos cirúrgicos que, por sua vez, acabam sendo muito invasivos e também complexos.

O gás de ozônio pode ser uma alternativa incrível para esse caso.

Com seu poder antioxidante, o ozônio é um importante aliado no tratamento de diversas doenças.

O estímulo gerado pelo gás do ozônio melhora a microcirculação, descarta as células mortas e regenera os tecidos, tendo um efeito regenerador.

Agende a sua avaliação agora mesmo, através do link da bio!
Acesse wa.me/5516981214680

#quiro #quiropraxia #quiropraxiapreventiva #enxaqueca #tratamentoquiropratico #araraquaraquiropraxia

quarta-feira, 14 de julho de 2021

cervical e a sua postura

Horas a fio com a cabeça baixa, os olhos fixos no celular e os dedos deslizando sobre a tela, alternando entre o WhatsApp e as redes sociais. É assim que boa parte das pessoas passa o dia. Segundo mostram as pesquisas, o brasileiro gasta em média 4 horas e 40 minutos on-line nos celulares todos os dias.

As consequências causadas pelo uso excessivo de celular são diversos e têm chamado a atenção dos profissionais em quiropraxia. Confira alguns pontos que podem ser prejudicados pelo mau uso desses aparelhos:

• Dores no pescoço
• Dores nas mãos
• Dores no ombro
• Dores no punho
• Dores na lombar 

E nunca é demais falar que qualquer tratamento deve ser aconselhado e acompanhado por um profissional quiroprático. Com a avaliação e o diagnóstico correto, as dores serão tratadas e a qualidade de vida recuperada.

Agende agora sua avaliação com o Dr. Lucas Mendes.

Acesse o link da bio ou clique no link abaixo:
wa.me/5516981214680

#quiro #quiropraxia #quiropraxiapreventiva #enxaqueca #tratamentoquiropratico #araraquaraquiropraxia

Curso de Quiropraxia Clínica em São Paulo

Curso VIP de Quiropraxia Clínica 

Público alvo Fisioterapeutas e graduandos a partir do 3°Ano em Fisioterapia. 
Total :100hs (70hs presenciais +30 hs trabalho complementar)

Curso completo com as principais técnicas de Quiropraxia nos moldes americanos.
Onde o aluno irá aprender o raciocínio clínico da quiropraxia para identificar e tratar disfunções utilizando as técnicas ajustivas manuais ,instrumentais e o uso de Drop e macas específicas da quiropraxia.  

Módulo I : História ,filosofia e Arte Quiropraxica da coluna cervical, Torácica,  lombar e Sacro Ilíaca.

Módulo II: Extremidades,Toggle Recoil, Clinica em Quiropraxia,Quiropraxia esportiva
Atm, quiropraxia Instrumental (Activator)

Dr.Lucas Nogueira Mendes
●Coordenador das pós Graduações  em Quiropraxia Clínica e Esportiva –IEES Goiânia
●Bacharel em Fisioterapia
●Bacharel em  Educação Física
●Especialista em Fisioterapia Quiropraxica pelo COFFITO
●Especialização Internacional em Quiropraxia pela European Internacional Chiropractic School
●Pós graduação em Quiropraxia
●Pós graduação  em Fisioterapia Manipulativa com ênfase em  ORTOPEDIA  e Esportiva.
●Pós Graduado em Fisioterapia Ortopédica 
●Pós Graduado em Fisioterapia Desportiva
●Pós Graduado em Fisioterapia Dermato Funcional.
●Professor de Pós Graduação em Quiropraxia em várias Instituições de Ensino do Brasil.
●Ex-Membro da Associação Nacional de Fisioterapia Quiropraxica e Manipulativa
●Ex-Membro Associação Latino Americana de Fisioterapia ou Kinesiologia Quiropraxica.- ALAFIKQ.
●Membro da Associação Brasileira de Fisioterapia Manipulativa- ABRAFIM
●Membro da Associação Brasileira de Pesquisa em Podoposturologia
◇Formação em:
● RPG,
●SGA ,
●Pilates,
●Podoposturologia ,
●Treinamento e Reabilitação Funcional, ●Kinesyo Tape ,
●Gameterapia;
●Dry Needling,
●Mobilização Neurodinâmica, ●Estabilização Segmentar,
●Tração Miofascial 
 ●Ozonioterapia,
 ●Terapia Neural,
● Botox,
●Ultrassonografia Cinesiologica
●Consultor de desenvolvimento em Tração Miofascial Percussiva e Instrumental da Reabilitech
●Quiropraxista Desportivo de atletas e  equipes de MMA, Fisiculturismo, CrossFit, Ciclismo, etc....
●Experiência Clínica em Quiropraxia desde 2003 com mais de 70mil atendimentos registrados
●Centenas de alunos de Fisioterapia formados em técnicas de Quiropraxia em todo  Brasil.

Curso de Quiropraxia Clínica em São Paulo

quinta-feira, 24 de junho de 2021

Quiropraxia e Geriatria

Quiropraxia e geriatria: uma revisão da formação, função e alcance da Quiropraxia no atendimento de pacientes idosos.

Killinger LZ 1 .

Resumo
idososQuiropráticos pode estar bem posicionados para desempenhar um papel importante na promoção da saúde, prevenção de doenças e lesões, e em equipes de cuidados geriátricos, devido ao seu estilo de prática e filosofia holística. O ponto limitrofe de cuidados no envelhecimento é que alguém no mundo dos cuidados de saúde deve fornecer a promoção da saúde e serviços preventivos para pacientes mais velhos antes da entrada de pacientes na melhor idade que satura profundamente o nosso sistema de saúde. Serviços de Quiropraxia são seguros e de custo relativamente baixo, e satisfação do paciente com eles é muito alta. No ambiente de cuidados com gestão pública, as pressões do dia a dia com os prestadores de serviços pode impedi-los de gastar tempo suficiente de discutir a promoção da saúde e prevenção de doenças com seus pacientes. a quiropraxia, quando particular, não é tão afetado por essas pressões extremas. Com a prática natural da quiropraxia, uma forte relação doutor-paciente é fortalecida em que as recomendações de saúde e estilo de vida pode ser confortável e eficazmente discutidas. Com relação aos cuidados músculo-esqueléticos em pacientes idosos, a quiropraxia(terapia manipulativa espinhal) são recomendados pela Agência de Política de Saúde e Pesquisa para o atendimento de lombalgia aguda, e as orientações da American Geriatric Society Panel Guidelines para a Gestão da Dor Crônica que intervenções não farmacológicas, tais como quiropraxia pode ser apropriada. A maioria dos prestadores de serviçõs de saúde geriátricos têm um número limitado de opções para oferecer aos pacientes com estas queixas. Várias técnicas de quiropraxia de pequena força estão disponíveis como alternativas seguras substituindo drogas e cirurgia para queixas músculo-esqueléticas no paciente mais velho. Devido à prevalência dessas condições em pacientes mais velhos, e o sucesso da quiropraxia em cuidar desses pacientes, equipes interdisciplinares geriátricas de cuidados de saúde devem incluir a quiropraxia. Quiropráticos, bem treinados na avaliação da saúde, diagnóstico, exames radiográficos, promoção da saúde e prevenção de doenças, estão bem posicionados para oferecer muitos serviços de cuidados primários de saúde para pacientes idosos. Isto é particularmente importante para uma nação que está se esforçando para fornecer cuidados de saúde geriátricosadequados em áreas rurais e áreas com escassez de profissionais de saúde. Melhorias contínuas na educação geriátrica, e um aumento na pesquisa e publicação sobre o tratamento quiroprático do paciente no envelhecimento são essenciais. Como afirmado por Montes e Johnston no Jornal de Educação em Saúde: Formação, bem como melhoria contínua das competências para educadores de saúde, deve incluir formas de lidar com as grandes disparidades de saúde entre as populações, especialmente as mais vulneráveis e carentes. Faculdade também deve ser preparada neste sistema de prestação de cuidados de saúde em constante mudança. Em uma sociedade que envelhece rapidamente, quiropráticos, (juntamente com todas as profissões de saúde) devem preparar-se para prestar cuidados de saúde ideal para este importante segmento da nossa sociedade, através da excelênciaquiropraxica em educação, treinamento e prática.

Resumo disponível em:
http://www.ncbi.nlm.nih.gov/pubmed/15182879

sábado, 19 de junho de 2021

Nao se acostume com a Dor

Há uma infinidade de benefícios relacionados ao tratamento com a quiropraxia.

Além do tratamento contra dores crônicas, a quiropraxia auxilia no tratamento de problemas cervicais, hérnias, desequilíbrios físicos, orgânicos e circulatório.

Recupere a qualidade de vida com a Quiropraxia!
Agende agora sua avaliação com o Dr. Lucas Mendes.

Acesse o link da bio ou clique no link abaixo:
wa.me/5516981214680

#quiro #quiropraxia #quiropraxiapreventiva #tratamentoquiropratico #araraquaraquiropraxia

domingo, 13 de junho de 2021

Dor lombar e no quadril

Dor lombar e no quadril podem ser os primeiros sintomas de impacto na articulação do quadril e é muito comum podendo tornar-se altamente incapacitante, impedindo o paciente de dormir e até mesmo locomover-se. No entanto, há inúmeras possibilidades de tratamento para evitar o processo de dor crônica e persistente.
O diagnostico pode ser feito no consultório e muitas vezes sem a necessidade de exames de imagem. 
O tratamento é feito a partir de técnicas manuais / Quiropraxia. E é baseado na história clinica individual do paciente. 
Busque solucionar e não remediar o seu quadro de dor. Muitas vezes o medicamento vai "mascarar" seu problema e agravar ainda mais os sintomas podendo prejudicar outras estruturas!

quinta-feira, 20 de maio de 2021

coluna saudável




A quiropraxia compreende diversos níveis da saúde corporal, com diversas abordagens do corpo humano.

Após o ajuste é fundamental seguir o check list para manter sua coluna saudável:
✔️ Prátique exercícios
✔️ Durma bem
✔️ Faça alongamentos
✔️ Consulte um quiropraxista regularmente
✔️ Cuide da sua postura
✔️ Mantenha-se hidratado

Recupere a qualidade de vida com a Quiropraxia!
Agende agora sua avaliação com o Dr. Lucas Mendes.

Acesse o link da bio ou clique no link abaixo:
wa.me/5516981214680

#quiro #quiropraxia #quiropraxiapreventiva #enxaqueca #tratamentoquiropratico #araraquaraquiropraxia #quiropraxiaararaquara #quiropraxia #araraquara #coluna #dor #dorcoluna #herniadedisco #hernia #disco #ciatica #esporao #esporte  #quiropraticaararaquara #quiroaqa #quiroararaquara #ajuste #tratamentocoluna #tratamentohernia

segunda-feira, 17 de maio de 2021

Dr Lucas Nogueira Quiropraxia Araraquara

Dr.Lucas Nogueira Mendes

●Coordenador pós Graduação em Quiropraxia Clínica e Esportiva –IEES Goiânia

●Bacharel em Fisioterapia

●Bacharel em  Educação Física

●Especialista em Fisioterapia Quiropraxica pelo COFFITO

●Especialização Internacional em Quiropraxia pela European Internacional Chiropractic School

●Diplomado em Quiropraxia-Anafiq

●Diplomado em Fisioterapia Manipulativa Ortopédica e Esportiva -ANAFIQ

●Professor de Pós Graduação em Quiropraxia em várias Instituições de Ensino do Brasil

●Pós Graduado em Fisioterapia Ortopédica e Desportiva

●Pós Graduado em Fisioterapia Dermato Funcional

●Ex-Membro da Associação Nacional de Fisioterapia Quiropraxica e Manipulativa

●Ex-Membro Associação Latino Americana de Fisioterapia ou Kinesiologia Quiropraxica.- ALAFIKQ.

●Membro da Associação Brasileira de Fisioterapia Manipulativa- ABRAFIM

●Membro da Associação Brasileira de Pesquisa em Podoposturologia

◇Formação em:
● RPG,
●SGA ,
●Pilates,
●Podoposturologia ,
●Treinamento e Reabilitação Funcional, ●Kinesyo Tape ,
●Gameterapia;
●Dry Needling,
●Mobilização Neurodinâmica, ●Estabilização Segmentar,
●Tração Miofascial  ●Ozonioterapia, ●Terapia Neural,
● Botox,
●Ultrassonografia Cinesiologica
●Consultor de desenvolvimento em Tração Miofascial Percussiva e Instrumental da Reabilitech
●Quiropraxistas Desportivo de atletas e  equipes de MMA, Fisiculturismo, CrossFit, Ciclismo, etc....
●Experiência Clínica em Quiropraxia desde 2003 com mais de 76 mil atendimentos registrados
●Centenas de alunos de Fisioterapia formados em técnicas de Quiropraxia em todo  Brasil.

 

terça-feira, 4 de maio de 2021

Volta as atividades físicas e a Quiropraxia

Na volta as atividades físicas é necessário se atentar a dois pontos fundamentais: aquele que nunca praticou atividade física e aquele que já é praticante.

Em ambos os casos é importante o acompanhamento de um profissional qualificado, buscando um retorno gradativo e regular, sem esforçar demasiadamente, para que não haja lesão. E caso de dores ou lesões ocasionadas pelo retorno das atividades, é fundamental que o praticante busque auxilio da quiropraxia para aliviar e melhorar a performance física.

O paciente pós COVID, deve identificar as sequelas e lesões que a doença pode ter gerado em seu organismo, para que dessa forma a avaliação profissional possa estar verificando qual a melhor modalidade para esse tipo de indivíduo.

De todas as formas, o retorno das atividades devem ser feitas de forma gradativa e consciente, de forma a não prejudicar a saúde e musculatura.

Começou ou quer començar a práticar exercícios? Agende já sua consulta.
Acesse o link da bio ou clique no link abaixo:
wa.me/5516981214680

#quiro #quiropraxia #quiropraxiapreventiva #enxaqueca #tratamentoquiropratico #araraquaraquiropraxia

segunda-feira, 26 de abril de 2021

Quiropraxia em gestantes

A quiropraxia é uma grande ferramenta para a maioria dos casos de gestação. Pois são através dos ajustes que o equilíbrio da pélvis e o relaxamento da região da bacia ocorrem, auxiliando no alivio e na quantidade de espaço disponível para o desenvolvimento do feto.

A quiropraxia também possibilita o pleno funcionamento do sistema nervoso das futuras mães, que assim podem encarar o futuro parto com maior vitalidade.

Alguns dos benefícios associados a quiropraxia em gestantes são:
• redução de sintomas de náusea
• redução do estresse uterino
• possibilidade redução do tempo de trabalho de parto 
• inúmeros benefícios pós parto

Tem alguma dúvida? Deixe um comentário abaixo 😄
Acesse o link da bio ou clique no link abaixo:
wa.me/5516981214680

#quiropraxia #quiro #quiropraxia #quiropraxiapreventiva #quiropraxiaararaquara

segunda-feira, 12 de abril de 2021

lesões em chicote em ciclistas

Um das lesões mais comuns nos consultórios de Quiropraxia é a lesão em chicote. Essa lesão é uma queixa recorrente em ciclistas, e apenas tratada com a quiropraxia,

Lesão em chicote, ou “whiplash”, é o nome dado a uma lesão dos tecidos moles do pescoço (região cervical), causada por um movimento brusco para frente e para trás.

O movimento anormal obriga o pescoço a uma extensão e flexão repentina. O tratamento inclui o alinhamento da cervical pelo Quiropraxista, que irá orientar a melhor forma de alívio para a lesão.

Agende já sua consulta 😁

Acesse o link da bio ou clique no link abaixo:
wa.me/5516981214680

#quiropraxia #quiro #qualidadevida #ajuste #quiropraxiaparaatletlas  #quiropraxiaesportiva #quiropraxiaparaciclistas #ciclismo #bike #ciclismoarararquara #quiropraxiararaquara

Porque o covid-19 causa dores no corpo

Estudos apontam que relatos de dores persistentes nas articulações e nos músculos são comuns em pacientes com a chamada covid longa, uma condição de saúde que afeta pacientes infectados com coronavírus por semanas ou meses.
Uma das primeiras pessoas infectadas com coronavírus no Brasil, Maria Espedita Pereira afirma ter sido internada no hospital com "47 anos e saído com 74". Ela ouviu que a recuperação levaria um tempo, mas "esse tempo já dura um ano".
Ela até hoje enfrenta sequelas como perda acentuada de peso e cabelo, pressão alta, falta de ar, abalo psicológico e dor, muita dor nas articulações das mãos, nas panturrilhas e nos calcanhares.

Hoje, sai pouco de casa e transita entre dores e inchaços, estes causados por corticoides que "pelo menos" aliviam bastante o sofrimento. "Não aguento mais tomar tantos remédios."
Estudos apontam que relatos de dores persistentes nas articulações e nos músculos são comuns em pacientes com a chamada covid longa, uma condição que afeta pacientes infectados com coronavírus por semanas ou meses.

Levantamento de pesquisadores de universidades dos Estados Unidos, do México e da Suécia, com base em estudos com 48 mil pacientes, apontam que 1 em cada 5 pacientes com covid longa sofre com dores nas articulações, e 1 em cada 10, com dores musculares.
Um outro estudo, feito por pesquisadores de Cingapura com 294 pacientes internados com covid-19, aponta que manifestações musculoesqueléticas generalizadas acometem 50% dos hospitalizados, a exemplo de mialgia (37,5%), artralgia (5,7%) e dor nas costas (6,8%).
Mas o que é sentir dor? Segundo a Associação Internacional para o Estudo da Dor, ela é "uma experiência sensitiva e emocional desagradável associada, ou semelhante àquela associada, a uma lesão tecidual real ou potencial". Experiência pessoal definida pelo próprio paciente, ela prejudica o dia a dia das pessoas e pode afetar a vida social, causar ansiedade e diminuir a autoestima e a confiança.
"As pessoas relatam que os problemas mais comuns após terem covid estão nos ombros e nas costas, mas problemas nas articulações e nos músculos podem ocorrer em qualquer parte do corpo. Algumas pessoas têm dores generalizadas que podem ir e vir durante algum tempo, à medida que se recuperam. Algumas também têm sensações estranhas ou diferentes, como dormência, pontadas ou fraqueza nos braços ou pernas", exemplifica o sistema de saúde pública do Reino Unido em um guia sobre o tema.
Tampouco há uma causa única para todas essas condições. Em geral, doenças infecciosas, sobretudo virais como a chikungunya e a covid-19, podem causar dores durante os processos inflamatórios, mas há outros fatores associados ao coronavírus.
André Mansano, médico intervencionista da dor no hospital Israelita Albert Einstein, em São Paulo, cita quatro deles: o distanciamento social aumentou a incidência de dor crônica não só pelo aumento do estresse, mas também por elementos como sobrecarga no ambiente doméstico, sedentarismo e diminuição do acesso à saúde; os efeitos diretos da covid-19 em si, causando neuropatias e mialgias; os efeitos secundários do tratamento da doença, como, por exemplo, um relaxante muscular administrado na UTI que pode paralisar a musculatura por semanas e levar a uma atrofia muscular; a resposta do sistema imunológico à doença, que pode afetar o próprio corpo e às vezes ser mais danosa que o vírus.
Essas dores podem ocorrer em fases diferentes da doença e por diversos motivos e, "por isso, é tão necessário entender o contexto individual de cada paciente para entender a causa daquela dor", explica João Alho, médico reumatologista e professor da Universidade do Estado do Pará (Uepa).
Por exemplo, "quem sobreviveu a casos mais graves, inclusive com necessidade de ir para a UTI, com certeza perdeu muito peso, sobretudo massa muscular. Essa é uma situação de sarcopenia pós-UTI, (que) causa dores até (haver) a completa reabilitação, que pode durar meses. Mas pacientes com doenças leves também podem perder massa muscular e causar mialgia ou dores articulares."
Pesquisadores estudam também como o vírus poderia causar diretamente essa dor, e uma possibilidade passa pela agora famosa proteína ACE2 (ou ECA2, em português), que funciona como uma espécie de "fechadura" de células humanas abertas pela "chave" do coronavírus durante a invasão.
Um grupo de pesquisadores chineses analisou a presença do vírus na medula espinhal, estrutura de tecidos nervosos dentro da coluna vertebral que tem a função de transmitir impulsos nervosos do cérebro para todo o corpo, como um elemento importante de indução da sensação de dor dos pacientes.
Segundo eles, isso ocorreria por meio do ataque às células nervosas com ACE2, que levaria, por consequência, a uma queda no nível de hormônios ligados à pressão sanguínea (angiotensinas) e, assim, à dor.
Mas essa é só uma entre diversas hipóteses em estudo por especialistas desde o início da pandemia de coronavírus, que matou mais de 300 mil pessoas no Brasil e deixou outras milhares com sequelas persistentes.

Que fatores da covid levam à sensação de dor?

O aparecimento de sintomas persistentes, entre eles dores musculares, não é novo em epidemias de doenças respiratórias. Isso ocorreu, por exemplo, na gripe russa no fim do século 19, na gripe espanhola no início do século 20 e na Sars no início dos anos 2000.
"Qualquer doença infecciosa, sobretudo viral, pode ter mialgia por inflamação de vários tecidos, que inclui o músculo e a sinóvia (uma espécie de membrana das articulações), em sua fase mais ativa", explica João Alho, da Uepa, que também cita os casos de dores ligadas à resposta do sistema de defesa do corpo contra invasores, como um vírus.
"Ela pode ser tão exacerbada que o próprio sistema imunológico machuca também nossos tecidos."
Uma das hipóteses está ligada à chamada tempestade de citocinas, que a grosso modo é uma reação desmedida do sistema de defesa do corpo que acaba sendo mais danoso que o próprio invasor. Segundo o reumatologista, essa condição de saúde, que chega a ser fatal em alguns casos, pode induzir danos nas articulações e músculos, "desencadeando sintomas relacionados à dor".
Um exemplo dessa reação do corpo contra ele mesmo surgiu em um recente estudo feito por pesquisadores da Northwestern University (EUA) a partir de exames de imagem de pacientes, nos quais identificaram diversos fatores associados à dor, como a formação de edemas e mudanças inflamatórias nos tecidos, como fluídos e inchaços, hematomas, gangrenas, lesões em nervos e coágulos.
Em um dos casos analisados, o vírus desencadeou em uma mulher de 72 anos um quadro confirmado de artrite reumatoide autoimune, uma doença inflamatória crônica autoimune, na qual o corpo começa a produzir anticorpos principalmente contra os próprios tecidos. Ela acomete duas vezes mais mulheres que homens e sua incidência aumenta com a idade, segundo a Sociedade Brasileira de Reumatologia.
Sueli Araujo, 56, faz parte desses dois grupos mais afetados por dores ligadas ao coronavírus e à covid longa: pessoas acima dos 50 anos e mulheres.
Seus sintomas começaram como uma gripe, com dor de garganta, dor de cabeça e tosse. Em seguida, surgiram o comprometimento do pulmão, dor nas costas, fadiga e falta de ar.
"Não conseguia dar nem 15 passos", conta. Por fim, passou a enfrentar perda de memória, queda de cabelo acentuada, inchaços e dores nos joelhos, nos tornozelos e no quadril. "Quando o médico me pediu para mensurar minha dor, eu disse: 'De 1 a 10, eu estou com 10'".
Há diversas hipóteses para tentar explicar por que pacientes do sexo feminino sofrem com mais sintomas da covid longa, entre eles as dores musculares e nas articulações. Mas nenhuma delas ainda foi confirmada. Para pesquisadores do Reino Unido, essa maior prevalência pode estar ligada ao fato de os quadros de autoimunidade serem mais comuns entre mulheres com mais de 40 anos.
Cientistas também sugerem a possibilidade de essa condição estar ligada ao contato inicial com o vírus, porque há mais mulheres trabalhando em funções com maior exposição à doença. Outra hipótese aponta que as mulheres tendem a sobreviver mais à doença aguda do que os homens, e por isso elas estariam em maior número entre os pacientes com sintomas de longa duração.
Há ainda outra possível explicação: homens tendem a revelar ou buscar menos tratamento para seus sintomas. Mas ainda são necessários outros estudos mais aprofundados para confirmar ou refutar essas possibilidades.
De todo modo, os 10 efeitos mais comuns desses pacientes que não se recuperaram totalmente da covid-19 foram fadiga, dor de cabeça, desatenção, perda de cabelo, falta de ar, perda de paladar, perda de olfato, dificuldade de respirar depois de exercício físico, dor nas articulações e tosse.

Quando surgem os sintomas?

Como dito anteriormente, essas dores podem aparecer em diversas fases da covid-19 e com durações distintas.
André Mansano, do Einstein, explica que elas podem ocorrer durante a infecção, persistirem ou mesmo surgirem meses depois. "Há pacientes que têm a resolução do quadro e depois de um tempo passam a ter artralgia (dor na articulação), sendo que o que causou foi essa resposta inflamatória anterior lá atrás."
O sistema de saúde pública do Reino Unido afirma que a grande maioria dos pacientes com dores ligadas à covid se recuperam rapidamente. No entanto, devem procurar atendimento médico caso os sintomas piorem com o tempo ou não melhorem em até três meses. As orientações completas estão disponíveis neste site, em inglês.
Um estudo liderado pela Universidade de Leicester com 1.077 pacientes que receberam alta hospitalar entre março e novembro de 2020 no Reino Unido mostrou que apenas 29% se sentiram totalmente recuperados após cinco meses de alta, e que o restante ainda apresentava diversos sintomas, como fadiga, falta de ar, dores nas articulações e perda de memória.
Mas esse quadro nem sempre está ligado a pessoas com covid grave. É o caso do professor universitário Francisco Fambrini, 51, que já esteve em consulta com sete médicos e foi diagnosticado com covid leve, sem necessidade de internação ? mas ele avalia, no entanto, que seu quadro tem gravidade, diante dos efeitos da covid longa.
"O problema é que a doença pode deixar sequelas terríveis que demoram muito tempo para sarar." Desde janeiro, já teve que lidar com dores, algumas que persistem até hoje, em diversas partes do corpo, como as panturrilhas, os joelhos, as costas, as juntas dos dedos, o abdômen, os olhos e a cabeça.

Possíveis tratamentos

Especialistas entrevistados pela reportagem afirmam que o tratamento para essas dores é baseado em atividade física e fisioterapia, quando possível, além de medicação a depender da intensidade do quadro de saúde.
Mas a primeira orientação é sempre procurar um médico, pois somente ele poderá investigar as causas e o histórico clínico e a partir daí oferecer um tratamento adequado ao paciente. Todos alertam para os riscos de automedicação, que podem causar, por exemplo, problemas gastrointestinais e sobrecarga dos rins em idosos.
André Mansano, do Einstein, explica que "o tratamento da dor é feito de forma escalonada", sempre começando por medidas menos invasivas.
A Organização Mundial de Saúde (OMS) criou um padrão de tratamento analgésico representado por uma escada de três degraus, onde quanto mais intensa é a dor do paciente, mais fortes serão os analgésicos.
O sistema de saúde pública do Reino Unido afirma que os pacientes devem ter por objetivo retomar às atividades que desempenhavam normalmente antes de ficarem doentes. E para isso, podem ir aumentando gradualmente a quantidade de movimentos e atividades que exerce, e só não deve praticar exercício físico se for uma orientação médica.
"Se o paciente tem covid, ele precisa, mesmo que isso demande muito esforço, fazer algum grau de atividade física", diz Mansano. Ele sugere alternativas cotidianas, como trocar o elevador pelas escadas do prédio, dispensar o uso do controle remoto, levantar para buscar copos de água em vez de usar garrafas maiores, além de praticar exercícios físicos seguindo instrutores com canais na internet.
Em casos mais avançados da dor, existe a possibilidade de os médicos prescreverem anti-inflamatórios mais potentes, da classe dos corticoides ou, em um degrau acima, os da classe dos opióides (com ainda mais efeitos colaterais).

sábado, 3 de abril de 2021

BRUXISMO OU BRIQUISMO



.BRUXISMO E BRIQUISMO: O QUE CARACTERIZA CADA DOENÇA

Você viajou com amigos e dividiram uma casa por alguns dias. Durante à noite, você acordou ouvindo um barulho estranho. Ao olhar para o lado percebeu que é o seu colega rangendo os dentes enquanto dorme. Ou no seu trabalho você já notou em si mesmo o hábito de apertar constantemente os dentes no decorrer do dia e manter a parte da boca tensionada. O nome dessas parafunções são, respectivamente, bruxismo e briquismo. Mas como esse problema age e afeta a gente? O cirurgião bucomaxilar Diego Limoeiro esclareceu essas questões.

BRUXISMO X BRIQUISMO
O bruxismo noturno é um distúrbio do sono que tem como característica o ato involuntário de ranger ou apertar os dentes durante o sono. Já o briquismo nada mais é que o mesmo problema, só que enquanto a pessoa está acordada. Pode ser chamado também de bruxismo em vigília ou apertamento desperto.

AS CONSEQUÊNCIAS DO PROBLEMA
As consequências podem ser as mesmas em ambos os casos, segundo o especialista. "Desgastes dentários, doença periodontal, DTM muscular, desordens articulares nas ATMs, alterações degenerativas nas articulações, dores de cabeça (cefaleias) são alguns dos problemas que podem surgir". Isso significa que as parafunções podem trazer complicações sérias para o seu dia a dia. Procure imediatamente um cirurgião-dentista especializado se perceber alguns dos sintomas para que ele possa iniciar o tratamento adequado.

FATORES DE RISCO
A gente sabe que estresse e ansiedade fazem mal à saúde mental, porém, na saúde bucal essas são as principais causas do briquismo. Já os fatores que podem provocar o bruxismo durante o sono são hereditariedade, idade, fumo, cafeína, bebidas alcoólicas, medicamentos que inibem a recaptação de serotonina (geralmente usados no tratamento da síndromes depressivas, transtornos de ansiedade e alguns tipos de transtorno de personalidade) e drogas ilícitas.

"Importante salientar que há uma lenda, de algumas pessoas mais idosas, que dizem que o bruxismo acontece em decorrência de infecções parasitárias intestinais, entretanto não houve suporte em estudos científicos", aponta o cirurgião.

COMO TRATAR?
"Como a causa é distinta, o tratamento também ",  A melhor opção é evitar que as consequências do apertamento surjam e também a eliminação de possíveis fatores de risco. Ou seja, para o briquismo, o controle da ansiedade e o autocontrole de não ficar apertando os dentes são fundamentais, segundo o profissional. Já para o bruxismo do sono há a opção de placa estabilizadora e uso de toxina botulínica (botox) para reduzir a parafunção.

DICAS DE PREVENÇÃO
Algumas dicas para se prevenir desse problema. Lembre-se que no mínimo sinal de dores nos maxilares ou até mesmo alguma limitação funcional, consulte um cirurgião-dentista especializado.

Crianças: É importante saber que o bruxismo em crianças é mais comum do que em adultos. Atente-se especialmente para os pequenos que costumam ser mais ansiosos e com maiores responsabilidades.

Ansiedade: Como esse distúrbio está ligado à essa patologia, pessoas que possuem uma personalidade mais ansiosa estão sujeitas ao bruxismo desperto. Tente se soltar mais, além de fazer bem para a sua mente, você corre menos risco de ter um problema bucal.

Genética: "Até 50% de pacientes com bruxismo do sono têm um membro direto da família que rangeu seus dentes na infância",  Procurar saber se algum familiar já possui a doença no histórico é importante para ficar atento caso surjam sintomas.

sexta-feira, 2 de abril de 2021

como a Quiropraxia pode ajudar com a Enxaqueca

Segundo o Ministério da Saúde, de 5 a 25% das mulheres e 2 a 10% dos homens têm enxaqueca.

Existem diversos fatores que influenciam nas dores crônicas, uma dela é o desalinhamento das vértebras presentes no pescoço, frequentemente relacionado  a má postura.

A quiropraxia pode ser um alíado poderoso contra as dores da enxaqueca. O tratamento com a quiropraxia se prova muito eficaz e, em alguns casos, gera um alívio imediato. 

#quiro #quiropraxia #quiropraxiapreventiva #enxaqueca #tratamentoquiropratico  #araraquaraquiropraxia

quinta-feira, 25 de março de 2021

sobrepeso e a Quiropraxia

A quiropraxia é uma especialidade focada na coluna vertebral, mas seu tratamento pode beneficiar a saúde de todas as pessoas, de idades, sexo e formas diferentes.

A manipulação e ajustes são grandes aliados para melhorar o sistema nervoso e a circulação do sangue gerando bem estar e melhorando a qualidade de vida. 

O sobrepeso é uma condição comum no consultório. Muito chegam com desconforto e dores resultantes do peso a mais colocado sobre as juntas e ossos.

O tratamento quiroprático auxilia no processo de transição, ajudando na perca de peso e aliviando as dores. Além disso, durante o processo da perda de peso, o corpo também passa por transições, que muitas vezes, são necessários ajustes para ajudar o corpo a se adaptar as mudanças.

Se você procura perder peso conte comigo para auxiliar. Irei encontrar o alívio para as dores e ajudar você a alcançar seu objetivo, agende sua consulta.

Acesse o link da bio ou clique no link abaixo:
wa.me/5516981214680

#quiropraxia #quiro #quiropraxia #quiropraxiapreventiva #quiropraxiaararaquara #obesidade #sobrepeso #bariatrica